Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Notícias
  3. Unicamp 2021: Provas da 1ª fase terão alterações por conta da pandemia do novo coronavírus

Unicamp 2021: Provas da 1ª fase terão alterações por conta da pandemia do novo coronavírus

As medidas visam reduzir a quantidade de estudantes circulando no mesmo ambiente e evitar assim aglomerações.

Publicado por Érica Caetano
05/06/2020 11h58 , atualizado em 05/06/2020 12h10

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) anunciou nesta sexta-feira, 05 de junho, que as provas da 1ª fase do seu Vestibular 2021 terão o número de questões reduzidas de 90 para 72 e o tempo máximo para a realização passará a ser de quatro horas e não mais de cinco, como ocorria em anos anteriores. 

As provas da primeira fase também serão aplicadas durante dois dias diferentes, conforme a área de cada curso concorrido pelos inscritos. As medidas se devem por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e visam reduzir a quantidade de estudantes circulando no mesmo ambiente e evitar assim aglomerações.

A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest ) informou ainda que apesar de questões diferentes, as provas dos dois dias da primeira fase do Vestibular 2021 da Unicamp terão as mesmas características e distribuição por disciplinas.

A data das provas da primeira fase ainda não foi definida, mas o que já foi determinado é que os inscritos aos cursos das áreas de Ciências Humanas/Artes e de Exatas/Tecnológicas deverão passar pelos exames no mesmo dia, em um sábado. Para os candidatos de cursos do segmento de Ciências Biológicas/Saúde, a prova ocorrerá no dia seguinte, no domingo.

Os candidatos sabatistas, que por convicção religiosa restringem suas atividades aos sábados, poderão ter horário específico para fazerem as provas, desde que tenham informando tal condição no ato de inscrição. As informações ainda estarão detalhadas no edital a ser divulgado em breve.

Como funcionará?

Para cada dia de teste haverá uma prova única para todos os candidatos das áreas determinada. A primeira fase será formada por uma única prova de Conhecimentos Gerais, constituída por 72 questionamentos objetivos referentes a área do conhecimento desenvolvidas no ensino médio.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

As questões serão distribuídas da seguinte forma: 12 questões de Língua Portuguesa e Literatura; 12 questões de Matemática; e oito questões de cada disciplina: Biologia, Física, Geografia/Sociologia, História/Filosofia, Inglês e Química.

A primeira fase deverá ocorrer em dois dias do mês de janeiro de 2021 e as provas da segunda fase seriam realizadas em dois dias no mês de fevereiro. 

Contudo, a definição das datas está dependendo da divulgação do Inep das datas de provas do Enem 2020 e de uma reunião entre as universidades públicas paulistas, para que não haja coincidência de datas, possibilitando assim que os estudantes possam participar de mais de um processo seletivo.

As mudanças foram aprovadas pela Câmara Deliberativa do Vestibular e ainda serão publicadas em edital.

Vestibular 2021

O Vestibular 2021 até o momento continua mantido assim como o cronogroama de inscrições, que prevê o início das mesmas para o dia 31 de julho até o dia 08 de setembro, pela página da Comvest.

Os pedidos de isenção de taxa de inscrição serão recebidos a partir do dia 22 de junho até o dia 08 de julho, pela internet. A taxa deste ano é de R$ 170.  A Comvest oferece 6.680 isenções para estudantes carentes de escola pública e um número ilimitado de isenções nas demais modalidades.

Obras literárias

A Unicamp também já anunciou a retirada de cinco obras literárias da relação que seria cobrada no Vestibular 2021. Os estudantes teriam que ler 12 livros; agora, serão apenas sete. O ajuste na lista de obras de leitura obrigatória também foi feito considerando o contexto da pandemia do Coronavírus (Covid-19).

Mais informações podem ser obtidas no site da Comvest.

Veja também

Unicamp antecipa divulgação do resultado do Vestibular 2021
As notas dos candidatos do Vestibular 2021 deverão ser liberadas na quarta. A matrícula virtual será recebida no dia 15 de março, das 09h às 17h.

UFMS divulga resultado do Vestibular 2021 e 3ª etapa do PASSE 2020
Processos seletivos foram realizados no final de janeiro em 11 cidades do Mato Grosso do Sul

MEC libera consulta às vagas que serão oferecidas no SiSU 2021/1
Sistema oferecerá 209.190 vagas em 5.685 mil cursos de graduação em 110 instituições públicas

UFRR disponibilizará mais de 700 vagas no SiSU 2021/1
Oferta é de 37 cursos de graduação. Para a carreira de Medicina, por exemplo, são 16 vagas.

Unesp adia Testes de Habilidades do Vestibular 2021 por causa do coronavírus
Provas de aptidão estavam marcadas para o próximo domingo (7). Testes são para cursos como Arquitetura e Música.

Cursinho social gratuito 2021 no Rio de Janeiro inscreve para novas turmas
Pré-vestibular prepara estudantes de baixa renda para processos seletivo e Enem 2021

UFRB recebe inscrições do Vestibular 2020/2 para cursos de Matemática, Música Popular Brasileira e Artes
O prazo vai até 11 de março e não há cobrança de taxa. A oferta da UFRB é de 450 vagas, metade para cada grupo de candidatos.

UFSCar recebe inscrições para Vestibular EaD 2021 de Pedagogia
Interessados nas 150 vagas serão avaliados por meio de análise das notas do Enem 2015 a 2019

Resultado do Vestibular 2021 via Enem do IFPA é publicado
As 442 oportunidades foram oferecidas via notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Foram aceitas as edições de 2017, 2018 e 2019.

Resultado da lista de espera do ProUni 2021/1 é liberado
Próxima etapa dos pré-selecionados é confirmar informações prestadas no momento da inscrição de 8 a 12 de março

Ceará: URCA divulga resultado do Vestibular 2020/2
Processo seletivo ocorreu nos dias 6 e 7 de fevereiro em seis municípios do estado

UFT oferta quase mil vagas no SiSU 2021/1
A UFT oferecerá vagas nas seguintes modalidades de concorrência, de acordo com a existência de vagas em cada modalidade: ampla concorrência, ações afirmativas (Indígenas e Quilombolas) e Lei 12.711/12 (Sistema de Cotas para Escolas Públicas).