Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Enem
  3. Dicas para o Enem
  4. Como se inscrever no Enem?

Como se inscrever no Enem?

Inscrições para o Enem são realizadas apenas pela internet e exigem que o estudante tenha CPF próprio. Prazo geralmente é em maio.

Publicado por Silvia Tancredi , Adriano Lesme
Para fazer a inscrição no Enem o estudante precisa de um computador ou celular com acesso à internet
Para fazer a inscrição no Enem o estudante precisa de um computador ou celular com acesso à internet

Antes de fazer a inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), é necessário que você, estudante, leia com cuidado o Edital para se atentar a todos os detalhes. 

Depois, no momento do cadastro, é importante que você preste bastante atenção e preencha com tranquilidade os dados corretos e não se esqueça de completar todas as informações exigidas.

Veja abaixo tudo o que é necessário saber para fazer a inscrição no Enem 2020:

Prazo

Fique atento: o período de inscrições do Enem 2020 é de 11 a 22 de maio, horário oficial de Brasília. O cadastro deve ser feito exclusivamente pelo site do Enem. O prazo de inscrições não costuma ser prorrogado.

Página do participante

Primeiro, você vai acessar o site do Enem e entrar na Página do Participante. Nesse momento, você vai começar um chat com a robô Nanda. Para começar, ela vai pedir para que você clique na imagem de um objeto específico.

Dados pessoais

Em seguida, a robô vai pedir o número seu CPF e sua data de nascimento.

Em seguida, você precisa informar dados como o nome do seu pai, sexo, raça, estado civil, nacionalidade e endereço.

 

Atendimento específico e especializado

Poderão solicitar o atendimento, no momento da inscrição, pessoas com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual (mental), surdocegueira, dislexia, déficit de atenção, autismo, discalculia ou com outra condição especial.

Também poderão pedir atendimento diferenciado gestantes, lactantes, idosos e estudantes em classe hospitalar. Para isso, é necessário informar essa condição no ato do cadastro.

Se você se encaixa em algum dos casos, vai aparecer a seguinte tela:

Confira como funciona o atendimento especial no Enem

Cidade e língua estrangeira

Você deve sinalizar a cidade onde quer fazer as provas e a opção de língua estrangeira. Atenção: essas duas informações somente poderão ser alteradas no período de inscrições para o Enem.

Escolaridade

Neste campo, você tem que indicar se está cursando o 3º ano do ensino médio ou se já o terminou. Há, ainda, a opção para aqueles que estão no 1º ou 2º ano e vão fazer o Enem como treineiros, ou seja, não vão usar as notas para ingressar no ensino superior.

Também é necessário detalhar se estuda ou estudou na rede pública de ensino ou como bolsista na rede particular e a quantidade de tempo. 

Você também deve responder se obteve a conclusão do ensino médio pelo Exame de Certificação de Jovens e Adultos (Encceja).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Questionário soecioeconômico

Todos os participantes do Enem devem preencher o questionário socioeconômico, o qual solicita informações sobre a escolaridade, renda, bens e gastos dos familiares.

O Inep, organizador do exame, deixa claro que o participante pode ser eliminado a qualquer momento se prestar informações falsas.

Contatos

Nesse campo, é necessário inserir os seus contatos, como telefone fixo e celular. Também se deve inserir um e-mail válido. Não é permitido que duas pessoas se cadastrem com o mesmo e-mail.

Senha

Ao fazer o cadastro, será gerado o número de inscrição. Você deverá criar uma senha de acesso ao sistema. Guarde esses dois dados, pois será necessário apresentá-los nos novos acessos.

Modalidade de prova

Agora chegou a hora de escolher entre o Enem impresso ou digital. Até 101.100 estudantes que concluíram o ensino médio ou irão terminar este ano podem optar pelas provas digitais do Enem.

Taxa

A taxa de inscrição do Enem 2020 é de R$ 85 e o pagamento deve ser feito em qualquer agência bancária, lotéricas e agências dos Correios, até 28 de maio. O robô Beto vai te dar as instruções para gerar a Guia de Recolhimento da União (GRU).

Isenção de taxa

Os pedidos de isenção da taxa de inscrição do Enem 2020 foram recebidos entre 6 e 17 de abril. O resultado foi divulgado no dia 24 de abril.

Puderam pedir isenção de taxa de inscrição estudantes que:

--> Estão no último ano do ensino médio em escola pública;

--> Que cursaram todo o ensino médio na rede pública ou como bolsista integral em colégio particular e que tenha renda familiar mensal de até um e meio salário mínimo por pessoa, de acordo com a Lei n. 12.799, de 10 de abril de 2013;

--> Estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e comprovem renda familiar mensal de até três salários mínimos ou de meio salário mínimo por pessoa.

Veja passo a passo como pedir isenção no Enem

Os participantes que foram beneficiados com a isenção no Enem 2019, não compareceram às provas e querem obter o benefício novamente no Enem 2020 tiveram que justificar ausência.

Saiba como justificar ausência no Enem

Excepcionalmente por conta da pandemia do coronavírus, o Enem 2020 também aceitará pedidos de isenção da taxa durante o período de inscrição.

Confirmação da inscrição

O acompanhamento poderá ser feito por meio da página do participante. Nesse mesmo local, o cartão de inscrição estará disponível para consulta individual e impressão.

Quem for beneficiado com a isenção de taxa também deverá fazer a inscrição normalmente. 

Veja também

Inep informa datas das provas do Enem 2020
Notas do exame educacional podem ser usadas para ingressar em cursos superiores

Faculdade Albert Einstein adia provas do Vestibular 2020/2 de Enfermagem
Contudo, as inscrições seguem aberta e serão encerradas em até 15 dias anteriores à nova data das provas, ainda a ser divulgada.

Acafe (SC) solta resultado do Vestibular de Inverno 2020
O processo seletivo desta edição não foi presencial por causa da pandemia do coronavírus. Os candidatos somente foram avaliados pela internet.

Coronavírus: UFT cancela Vestibular 2020/2
Apesar do cancelamento do Vestibular 2020/2, a UFT está com inscrições abertas para o preenchimento de vagas por meio do SiSU, até a próxima sexta-feira, dia 10.

São Paulo: inscrições para Vestibular 2020/2 das Fatecs começam hoje (8)
Por causa da pandemia do coronavírus, candidatos serão avaliados por análise de notas do histórico escolar

MEC abre prazo para consulta de bolsas do ProUni 2020/2
Para participar do programa, é necessário ter feito o Enem 2019. Inscrições começam dia 14 de julho.

Unicamp encerra prazo para pedir isenção de taxa do Vestibular 2021
Conforme cronograma, lista com nomes dos contemplados com a isenção da taxa será divulgada no dia 27 de julho

Unemat não fará Vestibular 2020/2 e selecionará via Enem
A Unemat utilizará as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) das edições de 2017, 2018 e 2019 ao invés do seu tradicional vestibular.

Estão abertas as inscrições do Vestibulinho 2020/2 das Etecs
Interessados em participar podem se inscrever até o dia 21 de julho e a forma de seleção será por meio de análise do histórico escolar.

Inscrições para SiSU 2020/2 já podem ser feitas
Nesta edição, são oferecidas 51.800 vagas em 57 instituições públicas de ensino superior

Saiba como são realizados vestibulares na pandemia do coronavírus
Enquanto algumas instituições resolveram usar notas do Enem, outras criaram vestibulares pela internet

UniRV de Goianésia libera resultado do Vestibular 2020/2 de Medicina
Selecionados para as 60 vagas devem fazer registro acadêmico de amanhã (7) até a próxima quinta-feira, 9 de julho