Logo Super Vestibular
Whatsapp icon Whatsapp
  1. Home
  2. Dicas
  3. 6 formas de driblar a preguiça de estudar

6 formas de driblar a preguiça de estudar

Publicado por Equipe Mundo Educação

Quem nunca teve preguiça de estudar? Ainda que os estudos sejam essenciais para o nosso desenvolvimento, há momentos em que a concentração custa a aparecer. 
Ainda assim, não desista! Existem várias alternativas para driblar esse desânimo, como jogos de matemática, por exemplo.  

Tópicos deste artigo

Como os jogos ajudam a vencer a preguiça de estudar?

Os jogos nos sintonizam com o presente, pois colocam a nossa mente para funcionar. Ainda mais aqueles que exigem raciocínio lógico, como sudoku, 2048, palavras cruzadas, tétris, mahjong, entre outros. É como se fosse um aquecimento para o cérebro, sabe?

Além disso, eles ajudam a relembrar conceitos que aprendemos na escola, que inclusive podem cair na prova para a qual você está estudando. 

Outras formas de embarcar nos estudos

1. Estabeleça pequenas metas 

Já bate aquele desânimo só de pensar em tudo o que você precisa estudar, né? Nessas horas, o melhor a se fazer é deixar esse pensamento de lado e focar em pequenas tarefas. Recomendamos até que você faça um checklist para ir riscando os tópicos que já foram estudados.

É cientificamente comprovado que o cérebro nos recompensa — libera dopamina — quando concluímos uma meta. Use a motivação que esse hormônio promove para continuar focado(a) durante os estudos.

2. Crie um ambiente inspirador para a sua rotina de estudos

Uma mesa organizada, uma cadeira confortável, uma bebida — quente ou gelada — e suas ferramentas de estudo são mais do que suficientes para você começar sua jornada. 

Sim, é difícil desapegar do celular, da televisão e até mesmo da cama, se você estiver estudando em casa. Contudo, quando você conseguir quebrar a procrastinação e sair desse ciclo, será extremamente recompensador.

3. Coloque uma música instrumental para tocar

Outro aspecto que ajuda a criar um ambiente inspirador é definitivamente a música. De acordo com pesquisas realizadas pela Universidade francesa Cae, o ato de escutar música facilita o aprendizado e estimula a criatividade.

Isso acontece porque, quando ouvimos música, adotamos a mesma área do cérebro que é responsável pelo aprendizado matemático e linguístico.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Outro ponto positivo é a redução de ansiedade. Em um estudo realizado pela Mind Lab, empresa que desenvolve tecnologias educacionais, notou-se uma diminuição de 60% na ansiedade dos estudantes que participaram desse estudo.

4. Alongue-se, movimente-se!

Passamos muito tempo sentados ou deitados e esquecemos que nosso corpo precisa de movimento, de circulação: é fato que ficar na mesma posição por horas a fio prejudica a nossa saúde, a curto e longo prazo. 

Então recomendamos que você dê uma levantadinha, estique as pernas, os braços e o pescoço. Caso a preguiça de estudar não passe, procure fazer exercícios físicos mais intensos para liberar endorfina. Esse hormônio nos ajuda a relaxar, além de melhorar o nosso humor, concentração e memória.

5. Tome um banho, troque de roupa 

Às vezes, tudo de que precisamos é um banho para refrescar a mente e o corpo. Inclusive, pode ajudar a amenizar aquele sono que costuma bater no meio da tarde. Siga essa dica que a revigoração vem!

Trocar de roupa também pode ser uma alternativa, principalmente se você tem o costume de passar seus dias de pijama.

6. Arranje uma companhia para estudar com você

Se tem mais algum amigo ou amiga sua estudando a mesma matéria que você, por que não unir o útil ao agradável e montar um clube de estudos? Assim vocês podem fazer perguntas uns aos outros e, até mesmo, criar jogos para testar os aprendizados. Só tomem cuidado para não confundir uma tarde de estudos com uma tarde de lazer!

Mas a pergunta que fica é: por que procrastinamos tanto para simplesmente concluir uma tarefa? Por mais que a decisão de fazê-la seja voluntária, a sua motivação acaba sendo influenciada por fatores neuroquímicos, como a própria liberação de dopamina e endorfina que comentamos acima. É o que diz Thiago Fernandes, doutorando do programa de Neurociência Cognitiva e Comportamento da Universidade Federal da Paraíba.

Por isso, para driblar a preguiça de estudar, o primeiro passo é recorrer às atividades que você gostaria de fazer — ou faria com maior facilidade — para despertar esses hormônios e motivar seu cérebro a focar no que é essencial naquele momento. Bom, chegou a hora de estudar! Vamos lá?

*conteúdo publieditorial

Veja também

Inscrição para o ProUni do segundo semestre de 2024 está aberta
Há concessão de bolsas parciais (50%) e integrais (100%)
MEC libera edital e datas do ProUni do 2º semestre de 2024
Inscrição para Programa Universidade para Todos começa dia 23 de julho
Inscrição do Enem 2024 pode ser feita somente até hoje (14)
Prazo para se inscrever nas provas do Enem 2024 termina nesta sexta-feira, 14 de junho
Enem 2024: inscrição é prorrogada pelo Inep
Agora, inscrição no Enem 2024 poderá ser feita até 14 de junho, conforme o Inep
Enem 2024: saiba até quando pode pagar a taxa de inscrição do exame
Inscrições para o Enem 2024 foram prorrogadas até a sexta-feira, 14 de junho
Inscrição para o Enem 2024 termina nesta sexta (7)
Ministério da Educação (MEC) garantiu novo prazo de inscrição do Enem 2024 para moradores do Rio Grande do Sul
Inscrições do Enem 2024 estão abertas
Provas do Enem 2024 serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro
Enem 2024: resultado dos pedidos de isenção da taxa de inscrição será liberado hoje (13)
Candidatos que desejarem entrar com recurso contra este resultado pode fazer o procedimento até o próximo dia 17
Inep anuncia datas do Enem 2024
Provas do Enem 2024 serão aplicadas em novembro. Notas do exame são porta de entrada para ensino superior.
Edital do Enem 2024 é divulgado
Documento apresenta datas e orientações sobre o maior exame educacional do Brasil
Enem 2024: pedidos de isenção de taxa de inscrição podem ser feitos somente até hoje
Também termina hoje prazo para justificar ausência no Enem 2023
Enem 2024: pedido de insenção da taxa já pode ser feito
Prazo para solicitar isenção da taxa de inscrição do Enem 2024 segue aberto até 26 de abril