Logo Super Vestibular
Whatsapp icon Whatsapp

Ciência de Dados

Saber analisar os dados disponíveis na rede é uma habilidade valorizada em um mundo cada vez mais tecnológico.

Publicado por Érica Caetano
O futuro cientista de dados atuará com o armazenamento e processamento de grande volume de dados estruturados ou não
O futuro cientista de dados atuará com o armazenamento e processamento de grande volume de dados estruturados ou não

Inteligência Artificial, Computação, Matemática e Estatística, integradas por meio de projetos semestrais. São nesses parâmetros que se baseia o curso bacharelado em Ciência de Dados.

O curso de graduação em Ciência de Dados forma profissionais capazes de organizar e analisar uma grande quantidade de dados (Big Data), desenvolvendo modelos analíticos e comunicando com clareza os resultados das análises para diferentes setores.

Os estudantes são preparados para identificar padrões comportamentais, com base no uso de técnicas e algoritmos da Inteligência Artificial.

Público-alvo

Aqueles que se consideram aptos a organizar e analisar uma quantidade considerável de dados e saibam comunicar com clareza estes resultados e análises para os mais diferentes setores podem se identificar com o curso Ciência de Dados.

Uma outra habilidade é ter conhecimentos teóricos e práticos sobre o que é chamado “internet das coisas”, ou seja, rede de objetos que, conectados à internet, podem coletar e transmitir dados, bem como o seu funcionamento. 

Estudantes com habilidade com cálculo matemático, sistemas de computadores e robótica também podem se interessar por cursar Ciência de Dados.

O curso

Os alunos que fazem a graduação em Ciência de Dados têm aulas de disciplinas conhecidas do ensino médio no primeiro semestre, como Matemática, Inglês, Computação, Leitura e Interpretação de Textos e Ética.

Nos semestres seguintes são ministradas as disciplinas específicas do curso, como: Algoritmos e Programação de Computadores; Inteligência Artificial; Aprendizado de Máquina e Mineração de Dados Estruturados e Não Estruturados (Big Data); Modelagem, Organização, Armazenamento e Gerenciamento de Dados; Modelagens Matemáticas e Estatísticas; Otimização; Inferência Estatística; Visualização Científica e de Informação. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O curso de graduação em Ciência de Dados pode ser encontrado na PUC-SP, na FGV e na Unip. Ele também é oferecido a distância na Univesp, Uninter e Cruzeiro do Sul.

Duração média: 8 semestres

Mercado de trabalho

O mercado de trabalho para quem se forma em Ciência de Dados tem tudo para ser bastante promissor por conta do crescimento do avanço tecnológico, especialmente da Inteligência Artificial. 

O futuro cientista de dados atuará com o armazenamento e processamento de grande volume de dados estruturados e não estruturados, aprendendo a extrair inteligência, visualizar e disponibilizar informações, com o objetivo de apoiar o processo de tomada de decisão nas organizações.

Campos de Atuação

- Empresas de tecnologia de informação (bancos, corretoras de investimentos etc.);
- Empresas de marketing, telecomunicações e entretenimento; 
- Universidades e centros de pesquisas;
- Hospitais e empresas de seguro de saúde;
- Órgãos governamentais, empresas de segurança e cibernética.

Remuneração média

De acordo com o site vagas.com, o cargo de Cientista de Dados inicia ganhando R$ 4.585 de salário e pode vir a ganhar até R$ 8.170. A média salarial para Cientista de Dados no Brasil é de R$ 6.144.

Exigência para o exercício da profissão

A exigência para exercer a profissão de cientista de dados é o diploma de conclusão de curso de bacharelado, preferencialmente na área.

Veja também

Unifesp começa a aplicar as provas do Vestibular Misto 2022
Serão utilizadas pela Unifesp as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 e de suas próprias provas para a aprovação dos candidatos no Vestibular Misto 2022. 

Inep divulga gabaritos da Reaplicação do Enem 2021
Quase 100 mil estudantes fizeram as provas nos dias 9 e 16 de janeiro

Vestibular da UERJ exige preparação específica; veja dicas
Em razão da pandemia do coronavírus, processo seletivo alterou o formato para evitar aglomerações

Editais do ProUni e Fies do 1º semestre de 2022 estão disponíveis
O primeiro programa oferece bolsas de estudo em universidades particulares a estudantes que comprovem ter renda familiar entre um ou três salários mínimos. Já o Fies disponibiliza financiamentos em cursos igualmente ministrados em instituições privadas. Também é necessário comprovar renda.

1ª reclassificação do Vestibular 2021/2 de vagas remanescentes da UERJ está disponível
Os convocados devem realizar pré-matrícula e aceite da inscrição em disciplinas da classificação de forma online no período de 24 e 25 de janeiro.

UEMG inscreve para o Vestibular 2022
O processo seletivo havia sido extinto em março de 2019 para usar somente notas do Enem e agora retorna neste ano.

Edital do SiSU 2022/1 é divulgado
Além do cronograma, no Edital também é possível verificar as regas do Sistema.

MEC divulga datas de inscrições do SiSU, ProUni e Fies do 1º semestre de 2022
Programas oferecem vagas em instituições de ensino superiores. Para participar, é necessário ter feito o Enem.

IFSuldeMinas solta resultado do Vestibular 2022/1
O resultado preliminar saiu no dia 10 de janeiro e teve os dias 12 e 13 seguintes para recursos. Este já é o resultado final.

Inscrições para a 3ª etapa do PAS 2020 da UFLA são recebidas
O prazo para solicitar isenção da taxa de inscrição já foi encerrado e o resultado será disponibilizado no dia 27 de janeiro.

Provas da 2ª fase do Vestibular 2022 da Fuvest encerram com abstenção de 7,9%
O resultado final do Vestibular 2022 da Fuvest é esperado para 11 de fevereiro. Outras duas chamadas regulares estão previstas para os dias 25 de fevereiro e 07 de março. 

Reaplicação Enem 2021: menos de 30% dos inscritos comparecem às provas
Ao todo, 338.419 estudantes se inscreveram para realizar as provas, mas 70% não se apresentaram