Logo Super Vestibular
Whatsapp icon Whatsapp
  1. Home
  2. Notícias
  3. UnB corta bônus regional do vestibular e SiSU

UnB corta bônus regional do vestibular e SiSU

Quem cursou ensino médio nas regiões dos campi de Planaltina, Gama e Ceilândia deixa de ter acréscimo de 20% às notas

Publicado por Silvia Tancredi
26/10/2015 14h04 , atualizado em 26/10/2015 14h04

A Universidade de Brasília (UnB) anunciou a extinção, a partir de 2016, do bônus regional que acrescenta 20% à nota do vestibular e à do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) para candidatos que cursaram pelo menos dois anos do ensino médio nas regiões dos campi de Planaltina, Gama e Ceilândia. 

De acordo com a instituição, de algum modo, o bônus regional contraria o princípio da ampla concorrência que rege as vagas destinadas ao sistema universal. “A retirada do bônus trará equilíbrio. A Universidade, por sua essência, tem que ter espaço para estudantes não só da região onde se situam os campi, mas também das outras partes do Distrito Federal e do Brasil”, afirma o decano de Ensino de Graduação da UnB, Mauro Rabelo.

Cotas sociais

O bônus foi criado para garantir que parte das vagas destinadas aos cursos oferecidos fora do campus Darcy Ribeiro fosse preenchida por pessoas que estudaram nas regiões em questão. Contudo, segundo a UnB, as cotas sociais já garantem, de certa forma, essa inserção regional. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Conforme explica a instituição, a partir de 2016, com a adoção da  Lei de Cotas Sociais, metade das vagas oferecidas por instituições federais de educação superior vinculadas ao Ministério da Educação (MEC) serão reservadas a estudantes que cursaram integralmente o ensino médio na rede pública. 

No caso do Programa de Avaliação Seriada (PAS), cujo sistema de bônus não é adotado, já é realizada a inclusão de candidatos oriundos dessas regiões de uma forma natural. 

Ainda segundo a UnB, o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão avaliará os efeitos da extinção do bônus no final de 2016.

*Com informações da UnB Agência

Veja também

Resultado do ProUni 2022/2 é liberado
Agora, os candidatos selecionados precisam comprovar as informações e apresentar a documentação para as instituições até o dia 17 de agosto.

UFVJM (MG) recebe inscrições para Sasi 2022 até hoje (10)
Entre os cursos estão Medicina (em Diamantina e Mucuri), Zootecnia, Agronomia, Fisioterapia, Turismo e Engenharia Agrícola e Ambiental. 

Provas e gabaritos do PSI 2022 da UFAM estão disponíveis
Os vestibulandos fizeram a avaliação às 08h15 nos dois dias. No primeiro dia a prova se encerrou às 13h15, já no segundo o exame foi até às 12h15.

2ª chamada do Vestibular 2022/2 da Unemat está disponível
Matrículas podem ser feitas pela internet nos dias 9 e 10 desta semana.

Inscrições para o Fies 2022/2 estão abertas
São disponibilizados 44.370 financiamentos na edição do segundo semestre. Inscrições vão até esta sexta-feira (12).

Unemat disponibiliza resultado do Vestibular Especial 2022/2 via Enem
Foram oferecidas neste vestibular o total de 651 vagas no formato presencial.

Unitins abre inscrições para Vestibular 2022/2 de cursos tecnológicos
São ofertadas 1 mil vagas em doze cidades tocantinenses.

Inscrições para o Vestibular 2023 da Faculdade Santa Casa de São Paulo estão abertas
A oferta é de 510 vagas, sendo 180 para o curso de Medicina, 80 para Enfermagem, 50 para Fonoaudiologia, 100 para Tecnologia em Radiologia e 100 para Tecnologia em Sistemas Biomédicos.

UEG divulga gabarito do Vestibular 2022/2
O caderno de provas do Vestibular ainda não foi disponibilizado pela Universidade.

Inscrições abertas para o Vestibular 2023 da Faculdade Albert Einstein
São 500 vagas para os cursos de Medicina, Administração, Engenharia Biomédica, Fisioterapia, Odontologia e Enfermagem.

2ª chamada do Vestibular 2022/2 das Fatecs (SP) é publicada
Os aprovados precisam ficar atentos à documentação solicitada para validação do processo no ato da matrícula.

Hoje é o último dia para se inscrever no Vestibular Adicional 2022/2 da UFRGS
Os candidatos serão selecionados por meio do desempenho obtido no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e edições anteriores do vestibular da UFRGS.