Logo Super Vestibular
Whatsapp icon Whatsapp

Nutrição

O nutricionista cuida da dieta de crianças, jovens, adultos e idosos, com diversos estilos de vida.

Publicado por Érica Caetano
Ter boa comunicação e ser atualizado são características que possuem destaque no profissional de Nutrição.
Ter boa comunicação e ser atualizado são características que possuem destaque no profissional de Nutrição.

O nutricionista é o profissional da saúde responsável por criar planos alimentares (dietas) com os mais diferentes propósitos, como ganho estético, tratamento e prevenção de doenças, ganho de energia e motivação, controle de ansiedade e depressão, entre outros.

Diferente que alguns podem pensar, o papel do profissional da Nutrição não se resume apenas a elaborar dietas. Os nutricionistas conseguem, por exemplo, diagnosticar a causa de alguma doença ou condição do paciente, seja por deficiência ou excesso de algum nutriente – vitaminas, minerais etc.
O nutricionista é quem estuda a relação dos nutrientes dos alimentos no corpo humano, tendo em vista as substâncias em deficiência ou em excesso no organismo. Depressão, cansaço excessivo e insônia podem estar diretamente ligados à falta ou excesso de vitaminas, por exemplo.

Outra curiosidade interessante é que este profissional trabalha diretamente com pacientes de todas as idades, com os mais variados estilos de vida. O nutricionista cuida de atletas de alta performance, de pessoas com doenças crônicas, com excesso de peso, de pessoas da terceira idade e até de crianças.

Público-alvo

O curso de Nutrição é voltado para quem gosta de interagir com outras pessoas, sabendo ouvi-las. Ter boa comunicação e ser atualizado também são características que possuem destaque neste segmento.

Saber um pouco sobre os alimentos também é algo interessante, mas não primordial. O importante é ter interesse em aprender sobre questões do corpo humano e seu funcionamento, bem como sua relação com os alimentos.

Mesmo tendo domínio das características dos alimentos, não é obrigatório que o nutricionista saiba cozinhar. Ele deve, acima de tudo, aliar alimentação saudável com sabor, equilíbrio e apresentação. 

Leia também: As opções de cursos em Ciências da Saúde

Curso

O curso de Nutrição é composto por disciplinas como biologia, anatomia humana, antropologia social, psicologia, bioquímica, fisiologia, biofísica, imunologia, dentre outras. Há também matérias específicas, como qualidade nutricional dos alimentos, educação e higiene alimentar, técnicas de preparo e conservação. 

A maioria das instituições possui estágio obrigatório nos últimos semestres. Algumas universidades também oferecem a disciplina de Libras. Vale lembrar que estas disciplinas podem mudar de uma faculdade para a outra.

Ao escolher uma faculdade de Nutrição, é importante verificar se são ministradas disciplinas que darão ao estudante oportunidades de aprender sobre o mercado de trabalho, de realizar estágios, pois a maioria do aprendizado será na prática, por meio destas experiências.

Grade curricular (algumas disciplinas comuns)

•    Anatomia Humana
•    Introdução à genética
•    Histologia e embriologia geral
•    Introdução à Prática Profissional 
•    Química Geral Teórica 
•    Química Orgânica Experimental 
•    Química Orgânica Teórica 
•    Bioquímica  
•    Estudo Experimental dos Alimentos 
•    Fisiologia Humana 
•    Metodologia da Pesquisa
•    Promoção da Saúde
•    Sociologia
•    Antropologia 
•    Imunologia Básica 
•    Microbiologia Geral e de Alimentos 
•    Técnica Dietética
•    Epidemiologia 
•    Bioestatística 
•    Avaliação Nutricional 
•    Psicologia Aplicada à Nutrição 
•    Planejamento de Unidades de Alimentação e Nutrição 
•    Marketing em Alimentação e Nutrição
•    Controle de Qualidade em Alimentos 
•    Nutrição Materno-Infantil e do Adolescente 
•    Gestão de Unidades de Alimentação e Nutrição 
•    Alimentação Escolar
•    Análise Sensorial de Alimentos 
•    Estágio de Nutrição Clínica 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Duração média 
Bacharelado – 8 a 10 semestres  (4 a 5 anos)

Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho para nutricionistas é amplo e vem crescendo consideravelmente, já que é uma profissão relativamente nova. 

A nutrição é vista como um mercado promissor e, atualmente, há um crescente interesse da população brasileira por um estilo de vida mais saudável, o que faz com que a procura por estes profissionais tenha aumentado. Contudo, há muitos profissionais formados. Por isso, para se destacar é preciso se especializar. 

Um bom nutricionista está sempre atualizado, fazendo cursos, congressos, lendo artigos científicos etc. A participação em redes sociais também tem sido importante para a divulgação do trabalho e captação de clientes.

Formas de Atuação 

É comum vermos o nutricionista trabalhando em clínicas, atuando como autônomos. Neste caso, ele pode trabalhar para o público em geral ou definir um segmento da Nutrição para atuar, como: ortomecular; esportiva; clínica; comportamental; materno-infantil; geriatria e gerontologia.

No entanto, também podem atuar em empresas e indústrias dos mais variados segmentos, mas principalmente do ramo alimentício, além de hospitais, clínicas de estética, spas, academias, escolas e restaurantes.

Os nutricionistas também podem optar por fazer concurso público e trabalharem na fiscalização de estabelecimentos do ramo alimentício. 

Campos de Atuação 

Administração
(supervisão, gerenciamento e fiscalização da produção de alimentos em indústrias alimentícias, refeições em cozinhas industriais, hospitais, restaurantes de empresas comerciais, creches, escolas, asilos, spas, hotéis, empresas de serviço de bufês e congelados etc.) 

Catering
(elaboração de cardápios para empresas diversas, como companhias aéreas e produtoras de cinema e TV ou de espetáculos teatrais) 

Controle nutricional
(criação de cardápios balanceados para todos os tipos de cliente)

Desenvolvimento de produto
(pesquisa e desenvolvimento de produtos para a indústria alimentícia, aplicação de testes culinários, degustação dos pratos e consultoria a empresas do setor de alimentos) 

Esportiva 
(acompanhamento nutricional de atletas de alto rendimento e consultoria em academias para não atletas)

Gastronomia
(controle da qualidade da cozinha e as condições de higiene de restaurantes, elaboração de cardápios etc.) 

Nutrição clínica
(prescrição de dietas a pacientes de hospitais, clínicas, instituições de longa permanência, ambulatórios e consultórios, adaptação de alimentação aos tratamentos clínicos, formulação de dietas de emagrecimento e para qualquer tipo de patologia, promoção da reeducação alimentar, gerenciamento de bancos de leite humano e lactários etc.)

Docência
(ministrando aulas e realizando pesquisas na área de alimentação e nutrição.)

Saúde coletiva 
(coordena atividades de alimentação e nutrição em programas institucionais, desde a atenção básica a vigilância sanitária.)

Setor hoteleiro
(estabelecendo, ajustando, alinhando ou até mesmo montando cardápios.)

Regulamentação da profissão 
Lei nº 8.234, de 17 de setembro de 1991

Remuneração média (salário)

De acordo com o site Catho, a média salarial do profissional de Nutrição no Brasil é de R$ 2.450 – para profissionais recém-formados. O salário varia conforme o centro, a área de atuação e experiência.

Exigências para exercício da profissão
Diploma de conclusão de curso de bacharelado em Nutrição;
Habilitação legal - Registro Profissional no Conselho Regional de Nutrição.

Assista às nossas videoaulas

Veja também

Unifesp começa a aplicar as provas do Vestibular Misto 2022
Serão utilizadas pela Unifesp as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 e de suas próprias provas para a aprovação dos candidatos no Vestibular Misto 2022. 

Inep divulga gabaritos da Reaplicação do Enem 2021
Quase 100 mil estudantes fizeram as provas nos dias 9 e 16 de janeiro

Vestibular da UERJ exige preparação específica; veja dicas
Em razão da pandemia do coronavírus, processo seletivo alterou o formato para evitar aglomerações

Editais do ProUni e Fies do 1º semestre de 2022 estão disponíveis
O primeiro programa oferece bolsas de estudo em universidades particulares a estudantes que comprovem ter renda familiar entre um ou três salários mínimos. Já o Fies disponibiliza financiamentos em cursos igualmente ministrados em instituições privadas. Também é necessário comprovar renda.

1ª reclassificação do Vestibular 2021/2 de vagas remanescentes da UERJ está disponível
Os convocados devem realizar pré-matrícula e aceite da inscrição em disciplinas da classificação de forma online no período de 24 e 25 de janeiro.

UEMG inscreve para o Vestibular 2022
O processo seletivo havia sido extinto em março de 2019 para usar somente notas do Enem e agora retorna neste ano.

Edital do SiSU 2022/1 é divulgado
Além do cronograma, no Edital também é possível verificar as regas do Sistema.

MEC divulga datas de inscrições do SiSU, ProUni e Fies do 1º semestre de 2022
Programas oferecem vagas em instituições de ensino superiores. Para participar, é necessário ter feito o Enem.

IFSuldeMinas solta resultado do Vestibular 2022/1
O resultado preliminar saiu no dia 10 de janeiro e teve os dias 12 e 13 seguintes para recursos. Este já é o resultado final.

Inscrições para a 3ª etapa do PAS 2020 da UFLA são recebidas
O prazo para solicitar isenção da taxa de inscrição já foi encerrado e o resultado será disponibilizado no dia 27 de janeiro.

Provas da 2ª fase do Vestibular 2022 da Fuvest encerram com abstenção de 7,9%
O resultado final do Vestibular 2022 da Fuvest é esperado para 11 de fevereiro. Outras duas chamadas regulares estão previstas para os dias 25 de fevereiro e 07 de março. 

Reaplicação Enem 2021: menos de 30% dos inscritos comparecem às provas
Ao todo, 338.419 estudantes se inscreveram para realizar as provas, mas 70% não se apresentaram