Logo Super Vestibular

Tecnologia em Agroindústria

Mercado de trabalho é amplo no Brasil, especialmente na área de agroindústria de alimentos

Publicado por Silvia Tancredi
Novas tecnologias ajudam a ampliar o mercado de agroindústria
Novas tecnologias ajudam a ampliar o mercado de agroindústria

O curso de Tecnologia em Agroindústria é voltado para estudantes que têm interesse ou já têm contato com a agricultura familiar. A carreira vai ensiná-lo a administrar, desenvolver e aprimorar conhecimentos para alavancar um negócio já existente ou ao qual pretende dar início.

O campo da agroindústria envolve todas as atividades relacionadas à transformação de matérias-primas agropecuárias provenientes da agricultura, pecuária, aquicultura e silvicultura, que dependem de máquinas e equipamentos industriais.

Quem opta pelo curso vai aprender todas as etapas do processo de produção agroindustrial, entre as quais planejamento, execução, obtenção, processamento e comercialização de diversas matérias-primas de origem animal ou vegetal. Para isso, o estudante vai conhecer novas tecnologias e, futuramente, implantar aquelas que forem mais adequadas aos seus produtos.

A área alimentícia é o destaque no mercado de trabalho de agroindústria. Mas o tecnólogo pode atuar em indústrias, cooperativas, laboratórios, fazendo pesquisas e consultorias, entre outros. Ele pode, ainda, ser gestor do seu próprio negócio.

Público-alvo

Como já mencionado, o candidato geralmente escolhe estudar tecnologia em agroindústria pensando em ampliar as oportunidades do negócio familiar. Para isso, é interessante que o estudante goste de trabalhar no campo, seja organizado, responsável, analítico, defensor do meio-ambiente, bom em cálculos e que, especialmente, tenha visão estratégica e gerencial.

O curso

Os alunos do curso de Tecnologia em Agroindústria têm aulas durante três anos, inclusive de estágio supervisionado. A graduação costuma ser oferecida em universidades estaduais e, principalmente, em institutos federais de educação, ciência e tecnologia, os chamados IFs. 

Nos primeiros semestres, o estudante assiste aulas mais teóricas, como de Português, Matemática, Física, Química, Bioquímica, Filosofia e Ética, Políticas Públicas e Desenvolvimento Rural, Fundamentos da Produção, Contabilidade e Informática.

A partir do terceiro semestre, o estudante de Tecnologia em Agronegócio passa a ter aulas mais práticas e voltadas diretamente ao curso. Entre as disciplinas específicas do curso estão: 

•    Estudo dos Impactos Ambientais;
•    Bioquímica dos Alimentos;
•    Processamento de Frutas;
•    Tecnologia de Hortaliças;
•    Processamento de Carnes e Pescados;
•    Processamento de Leite;
•    Tecnologia de Bebidas;
•    Processamento de Cereais;
•    Tubérculos, Raízes e Derivados;
•    Higiene e Segurança do Trabalho;
•    Planejamento, Desenvolvimento e Instalação de Projetos Agroindustriais;
•    Empreendedorismo;
•    Marketing Agroindustrial;
•    Novos Produtos Agroindustriais;
•    Aditivos e Toxicologia;
•    Embalagens para Alimentos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Duração média

Três anos ou seis semestres.

Mercado de trabalho

Assim como outros cursos de tecnologia, o de Agroindústria permite que o estudante ingresse mais rapidamente ao mercado de trabalho e com uma formação mais técnica.

A oferta de empregos na área é ampla, especialmente em indústrias de produtos de origem animal e vegetal. O profissional também pode atuar em outras empresas como laboratórios físico-químicos, microbiológicos e unidades de elaboração e comercialização de produtos agroindustriais.

O mercado de trabalho em agroindústria de alimentos destaca-se para os graduados em Agroindústrias. Conforme dados da Associação Brasileira de Indústrias e Alimentos (ABIA), esse mercado é o maior do país e o segundo do mundo, gerando mais de 1,6 milhões de empregos, formais e informais, e segue crescendo. 

O Brasil está nas primeiras posições na exportação de alimentos industrializados em volume, como suco de laranja, carne bovina, suína e de aves, óleo de soja e açúcar. Nosso principal mercado é a Ásia, sobretudo a China.

Formas de atuação

O profissional pode trabalhar em indústrias de produtos de origem animal e vegetal em todas as etapas, desde o desenvolvimento da matéria-prima até o produto final para distribuição e comercialização. Também pode atuar na pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e inovações tecnológicas para a área.

Outras formas de atuação do profissional em agroindústria são no controle de qualidade e na segurança dos produtos, no desenvolvimento de gestão e produção sustentável, estudos e pesquisas na diminuição de impactos ambientais, entre outras. 

Remuneração média

De acordo com a agência de empregos Catho, um tecnólogo em Agroindústria tem salário médio inicial de R$ 1.900. Um gerente ou supervisor agrícola ganha cerca de R$ 4 mil (média nacional). 

Exigências para o exercício da profissão

Possuir diploma de tecnólogo em agroindústria.

Veja também

PUCPR está com inscrições abertas para o Vestibular de Inverno 2021
As taxas de inscrição possuem valores diferentes conforme a modalidade de ingresso, sendo que para aqueles que escolherem o desempenho do Enem, são gratuitas.

Mackenzie está com inscrições abertas para o Vestibular 2021/2
Estão sendo ofertadas mais de 2,3 mil vagas no Vestibular 2021/2. As oportunidades são para os campi Higienópolis e Alphaville. 

Pedidos de isenção de taxa da SASI 2020 da UFVJM são recebidos
Estão sendo oferecidas pela UFVJM  594 vagas na SASI 2020. Desse total, metade são para estudantes que fizeram todo o ensino médio em escolas públicas.

USF está com inscrições abertas para o Vestibular 2021/2 de Medicina
Devido a pandemia de Covid-19, a USF não realizará provas. Os inscritos serão avaliados exclusivamente pelas notas do Enem. 

IFF publica 1ª reclassificação do Vestibular 2021/1
Convocados deverão se matricular na próxima quarta e quinta-feira, 12 e 13.

Reitora da UFRJ afirma que universidade pode fechar em julho
Instituição federal fluminense sofreu cortes sucessivos do Governo Federal

Pré-vestibular social do Cederj inscreve para mais de 6 mil vagas gratuitas
Aulas são voltadas ao Enem 2021 e vestibulares do estado do Rio de Janeiro, como o da UERJ e Cederj

Unicesumar (PR) recebe inscrições para Vestibular 2021/2 de Medicina
Curso oferece cem vagas e é ministrado na cidade de Maringá

UVV, no Espírito Santo, está com inscrições abertas para Vestibular 2021/2
Candidatos podem escolher entre fazer provas presenciais ou pela internet no dia 16 de maio

Unesp solta gabaritos da 2ª fase do Vestibular 2021
Mais de 35 mil candidatos fizeram as provas ontem (9) em 31 cidades paulistas e em outros quatro estados

UEMG disponibiliza 1ª chamada de excedentes do Vestibular 2021 via Enem
Os estudantes foram avaliados por meio das notas do Enem de 2018 a 2020. Somente os inscritos no curso de Música passaram pelos testes de habilidades.

Fatecs (SP) abrem prazo de inscrição do Vestibular 2021/2
Neste vestibular também será ofertado o Sistema de Pontuação Acrescida que é adicionado ao final das notas dos candidatos.