Logo Super Vestibular
Whatsapp icon Whatsapp
  1. Home
  2. Notícias
  3. Cederj publica resultado de isenções e cotas do Vestibular 2019/2

Cederj publica resultado de isenções e cotas do Vestibular 2019/2

Estudantes beneficiados com a gratuidade ou não devem se inscrever no processo seletivo até o dia 9 de maio

Publicado por Silvia Tancredi
24/04/2019 13h54

A Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro (Fundação Cecierj/Consórcio Cederj) soltou nesta quarta-feira, 24 de abril, o resultado dos pedidos de isenção de taxa e cotas do Vestibular 2019/2. Acesse:

Resultado isenções/cotas Vestibular 2019/2 Cederj

Beneficiados com a gratuidade ou não deverão fazer a inscrição no processo seletivo entre os dias 24 de abril e 09 de maio.

Segundo a instituição, recursos podem ser feitos amanhã e depois, 25 e 26, mediante preenchimento de formulário disponibilizado neste site

Puderam se inscrever na isenção candidatos que concluíram o curso de Ensino Médio ou equivalente ou concluirão até a data da matrícula. Já a solicitação das cotas pôde ser feita por estudantes de baixa renda negros, indígenas, alunos da rede pública, pessoas com deficiência, entre outros. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Vestibular

O prazo de inscrições para o Vestibular 2019/2 do Cederj começou no dia 1º de abril e segue até 9 de maio. A taxa custa R$ 88.

Saiba tudo sobre o Vestibular 2019/2 do Cederj

Os interessados nas 7.684 vagas distribuídas em 17 cursos de graduação farão as provas no dia  8 de junho. O resultado deve sair no dia 19 do mesmo mês. 

Os cursos do Cederj são ministrados nos polos das seguintes universidades:

  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ
  • Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ
  • Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ)
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (Unirio
  • Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF)
  • Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet)

Para mais informações, acesse este site.

Veja também

IFRR solta local de prova do Vestibular 2022/1
Interessados nas 180 vagas em cursos superiores farão provas no dia 13 de fevereiro

UFRGS: cursos de saúde física e mental são os mais procurados do Vestibular 2022
Medicina lidera com mais de 50 candidatos por vaga. Em seguida, vêm Psicologia e Biomedicina.

UFJF divulga local de prova do Pism 2022
Universidade informou que 30 mil estudantes devem fazer provas nos dias 5 e 6 de fevereiro

Resultado do Vestibular 2022/1 da Famerp está disponível
Outras chamadas serão divulgadas para 31 de janeiro, 04, 10, 16 e 22 de fevereiro, além de 07 de março.

Locais de prova da 3ª etapa do PAS 2021 da UnB estão disponíveis
Os participantes da terceira etapa somente farão testes no Distrito Federal, nos campi Darcy Ribeiro (Plano Piloto), Ceilândia, Gama e Planaltina. 

Cursinho Popular da Poli USP está com inscrições abertas para 2022
O cursinho da Poli gratuito, mas há taxa de matrícula que são no valor de duas parcelas de R$ 100. 

Cursinho de Educação Popular da UFTM está com inscrições abertas para turmas de 2022
Podem participar estudantes que já concluíram o Ensino Médio ou que estejam matriculados no 3º ano do Ensino Médio, ambos em escolas públicas estaduais ou de rede privada desde que comprove que foi beneficiado com bolsa integral. 

UFMS divulga resultado do Vestibular 2022 e PASSE 2021
Primeira seleção ofertou 3.347 vagas e segunda, 1.089 oportunidades em cursos em Campo Grande e no interior

Locais de prova do Vestibular 2022/1 da UFRR estão disponíveis
Mais de 5,6 mil candidatos farão provas no dia 6 de fevereiro, em Boa Vista.

Ceará: UVA altera data da prova do Vestibular 2022/1
Cronograma foi mudado em razão do aumento de casos da variante Ômicron do coronavírus

1ª reclassificação do Vestibular 2022/1 do Cederj está disponível
Ainda segundo o calendário, a segunda reclassificação sairá no dia 28 de janeiro e a terceira, no dia 02 de fevereiro.

Realização do PSC 2021 da UFAM está suspenso por 30 dias
Suspensão se deve por conta do surto epidemiológico confirmado, com o aumento explosivo de transmissibilidade da variante ômicron da Covid-19, tanto na capital quanto no interior do estado do Amazonas.