Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Notícias
  3. Enem deve ser reestruturado para as próximas edições

Enem deve ser reestruturado para as próximas edições

O objetivo seria uma adaptação aos moldes propostos pela reforma do ensino médio.

Publicado por Rafael Batista
05/12/2016 12h19

A segunda aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 terminou neste domingo e, durante a coletiva de imprensa para divulgar o balanço das provas, o Ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciou que o exame deve passar por profundas mudanças. No entanto, o ministro adiantou que deve realizar uma consulta publica para discutir as mudanças.

De acordo com Mendonça Filho, ainda não é possível antecipar quais discussões serão colocadas em pauta durante essa consulta. A intenção é provocar um debate que ajude nas futuras decisões que forem tomadas referentes ao Enem.

No final de novembro, a Presidente do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini, disse que treineiros e estudantes que buscam certificação de ensino médio podem não mais participar do Enem. A justifica para essa decisão é de que o exame não foi pensado com esse objetivo.

Além disso, novas mudanças estão previstas para que Enem se adapte ao novo modelo de ensino médio, proposto pela Medida Provisória (MP) 746/2016. No entanto, por meio de nota, o Inep informou que “as informações são apenas propostas apresentadas a especialistas da área de Educação por autoridades do Inep e do MEC e que permanecem em fase de estudo e elaboração pelo corpo técnico e gestores desses órgãos”.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Nova aplicação

Uma nova prova do Enem 2016 precisou ser aplicada por causa das ocupações de estudantes em prédios públicos. Durante a primeira realização das provas, nos dias 5 e 6 de novembro, 404 escolas, que sediariam as provas, de 20 estados mais o Distrito Federal estavam ocupadas por manifestantes. O movimento protesta contra a nova reforma do ensino médio e à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que congela os investimentos na educação por 20 anos.

Na divulgação do balanço das provas, Maria Inês Fini, pontuou que os gastos com a nova aplicação ultrapassaram R$ 10 milhões. O Ministério da Educação (MEC) afirmou que os dados serão encaminhados à Advocacia-Geral da União (AGU) para serem usados, caso o governo resolva processar os responsáveis pelas ocupações.

Ainda de acordo com o MEC, a nova aplicação não prejudicará a divulgação do resultado do Enem 2016, previsto para do dia 19 de janeiro, bem como os programas que dele dependem como o Fies, SiSU e ProUni. Os gastos com a nova aplicação chegam a R$ 10,5 milhões.

Veja também

Unespar adia prova de redação do Vestibular 2021
Estudantes que escolheram fazer o texto fariam os testes entre os dias 7 e 10 de março

UEMS publica resultado do Vestibular 2021
Processo seletivo ocorreu no dia 6 de fevereiro em 17 cidades do Mato Grosso do Sul

UnB suspende provas da 3ª etapa do PAS 2020
Candidatos fariam provas no próximo domingo, 7 de março, em Brasília, Taguatinga e Gama

UFMG abre inscrições para Vestibular 2021 de Habilidades Específicas
Processo seletivo é específico para cursos que exigem aptidão, tais como Música e Artes Visuais

UECE divulga 1ª chamada de classificáveis do Vestibular 2020/2
Também foi disponibilizada a chamada única de classificáveis cotistas e de pessoas com deficiência.

UFCG terá mais de 3 mil vagas oferecidas no SiSU 2021/1
A média mínima para tentar o ingresso em cursos da UFCG é 400. Já o peso atribuído às provas é 1, igual para todos os cursos.

UFPR ofertará mais de 1.200 vagas no SiSU 2021/1
Os cursos da UFPR são ministrados nos campi Centro, Agrárias, Batel, Centro Politécnico, Jandaia do Sul, Jardim Botânico, Juvevê, Litoral, Palotina, Pontal do Sul, Rebouças, Toledo, Santos Andrade e Unidade Mirassol.

Abertas inscrições para lista de espera do ProUni 2021/1
Interessados podem participar somente até amanhã (2). Resultado sairá na próxima sexta-feira (5).

IFS recebe inscrições para Vestibular 2021/1 somente até hoje (1º)
Estudantes devem apresentar as notas do Enem de 2011 a 2019, desde que sejam acima de 300 pontos

IFB finaliza inscrições para Vestibular 2021/1 via Enem
Somente podem se inscrever estudantes que fizeram a edição de 2019 do exame educacional e que não zeraram alguma das provas

Chegam ao fim inscrições para Vestibular 2021 do IFAM
Estudantes serão avaliados pelas notas do Enem ou pelo desempenho no ensino médio

Mais de 8 mil estudantes fazem provas do Pism 2021 da UFJF
Somente inscritos na terceira etapa vão realizar os testes. Para primeira e segunda fase, exames foram adiados.