Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Notícias
  3. MEC pede que responsáveis pelas ocupações arquem com prejuízos do Enem 2016

MEC pede que responsáveis pelas ocupações arquem com prejuízos do Enem 2016

O movimento causou o adiamento das provas para mais de 270 mil inscritos no exame.

Publicado por Rafael Batista
08/11/2016 11h17 , atualizado em 08/11/2016 11h20

A Advocacia-Geral da União (AGU) foi acionada pelo Ministério da Educação (MEC) para que toma as medidas necessárias para identificar as entidades envolvidas nas ocupações das escolas. A intenção do MEC é reparar os prejuízos causados pelo adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2016) para mais de 270 mil alunos.

Em nota, a Assessoria de Comunicação do MEC reafirmou o direito à manifestação por parte dos alunos que ocupam as escolas, mas também defendeu o direito de ir e vir dos alunos inscritos no Enem 2016. O Ministério da Educação informou ainda que não é possível calcular com precisão o prejuízo causado pela não aplicação das provas em alguns lugares, mas estima um valor em torno de R$ 15 milhões.

As ocupações atingiram mais de 400 escolas que seriam sede do Enem, levando ao cancelamento do exame nesses prédios e o agendamento de novas provas para os prejudicados para os dias 3 e 4 de dezembro de 2016. Os manifestantes protestam contra a reforma do ensino médio e à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que congela os investimentos na educação por 20 anos. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ainda não é possível afirmar quais entidades estariam envolvidas nas ocupações, mas a AGU está realizando estudos internos para verificar a efetividade da cobrança feita pelo MEC.

Polêmicas

Além do adiamento das provas para alguns alunos, devido às ocupações, o Enem 2016 teve outras polêmicas que colocam em risco a aplicação do exame. A realização de operações da Polícia Federal levou a prisão de um participante com um ponto eletrônico e o rascunho de uma redação no bolso. Com base nisso, o Ministério Público do Ceará (MPF-CE) pediu a anulação da prova de Redação do exame.

É a segunda vez, este ano, que o MPF pede a anulação das provas do Enem. Na primeira ocasião o pedido era de cancelamento das provas para todos os inscritos. Segundo a ação, o exame sendo aplicado em duas datas diferentes prejudicaria a isonomia da prova. A primeira ação foi rejeitada pela justiça.

Com informações da Agência Brasil

Veja também

Estão abertas as inscrições do Vestibular 2021/1 da UVV
As inscrições poderão ser realizadas via internet ou de forma presencial, na Central de Relacionamento com Aluno (CRA), na UVV-ES de Vila Velha.

São Paulo: abertas inscrições para Vestibular 2021/1 de Medicina da USCS
vestibular ocorrerá em uma única fase, marcada para o dia 23 de novembro, das 14h às 17h30.

IFSC publica resultado da seleção de vagas remanescentes 2020/2
Aprovados deverão enviar documentação para matrícula por e-mail. As aulas serão a distância no início do curso.

Cadastro de foto dos inscritos do Enem 2020 deve ser feito até 1º de outubro
Aqueles que já cadastraram a foto mas quiserem alterar também poderão fazer o upload. O cadastro é obrigatório a partir desta edição.

Vestibular 2020/2 via Enem do IFSP está com inscrições abertas
Para participar é preciso ter feito o Enem entre os anos de 2015 e 2019 tirando nota acima de zero na redação.

Já estão abertas as inscrições para corretores de redação do Enem 2020
Para se cadastrar é preciso ter graduação na área de Letras/Língua Portuguesa ou Linguística. Prazo encerra em 05 de outubro.

Inscrições para o Vestibular 2021 da UFGD já podem ser feitas
Os interessados em concorrer uma das 982 vagas em 33 cursos de graduação, nas modalidades presencial (32 cursos) e a distância (Letras-Libras), podem se inscrever até às 17h do dia 20 de novembro.

Vestibular de Verão 2021 do IFSul (RS) é adiado por conta da pandemia
O Vestibular de Verão do IFSul acontece geralmente no mês de dezembro e será adiado para evitar a aglomeração de pessoas.

UPE prorroga inscrições do SSA 2021
Prazo seria encerrado ontem, dia 20 mas foi prorrogado até o final do mês.

Faculdade Santa Casa de SP recebe inscrições do Vestibular 2021
A taxa custa R$ 300 (R$ 120 Cotas Sociais) para o curso de Medicina, R$ 50 para os cursos de Enfermagem e Fonoaudiologia e R$ 30 para os cursos tecnológicos.

Resultado dos pedidos de isenção do Vestibular 2021 da UERJ é divulgado
As solicitações foram recebidas no mês de março, quando o calendário da seletiva ainda não havia sido suspenso por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

ITA prorroga inscrições para Vestibular 2021
Primeira fase está marcada para dia 20 de novembro e segunda, para dias 8 e 9 de dezembro