Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Notícias
  3. Enem 2016 é suspenso para mais de 191 mil inscritos

Enem 2016 é suspenso para mais de 191 mil inscritos

Provas não serão mais aplicadas neste fim de semana em 304 escolas situadas em 126 cidades

Publicado por Silvia Tancredi
01/11/2016 16h01 , atualizado em 01/11/2016 16h47

O Ministério da Educação (MEC) anunciou, por meio de coletiva de imprensa realizada na tarde de hoje, 1o de novembro, que 191.494 inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 não farão mais as provas no próximo final de semana por causa da ocupação de manifestantes em escolas públicas.

O órgão informou que, dos 6.476 locais de aplicação do Enem 2016, 304 escolas públicas em 126 cidades brasileiras estão ocupadas por estudantes que protestam contra a nova reforma do ensino médio e à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que congela os investimentos na educação por 20 anos.

Segundo o MEC, como cada provas do Enem custa R$ 90, o prejuízo estimado é de 17,2 milhões. Antes os candidatos fariam os exames nos dias 5 e 6 de novembro; agora, serão nos dias 3 e 4 de dezembro. Os novos locais de prova serão informados por SMS, pelo aplicativo para celular e tablet e no site do Enem. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Entenda o caso

No mês passado, o MEC tinha afirmado que, se até o dia 31 de outubro as escolas não tivessem sido ocupadas, os inscritos no Enem cujos locais de provas fossem nessas unidades teriam que fazer o exame educacional posteriormente. Na época, eram quase 100 mil estudantes de 11 estados, entre os quais Paraná, Rio Grande do Sul e Minas Gerais. 

Na ocasião, a advocacia-Geral da União (AGU) informou poderia cobrar judicialmente dos responsáveis pelos protestos o valor gasto em cada nova prova aplicada (R$ 90) e que "trabalharia para identificá-los", sem informar como vai investigar e quem vai identificar as pessoas ou verificar as denúncias.

Veja também

Resultado dos pedidos de isenção do Vestibular 2021 da UERJ é divulgado
As solicitações foram recebidas no mês de março, quando o calendário da seletiva ainda não havia sido suspenso por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

ITA prorroga inscrições para Vestibular 2021
Primeira fase está marcada para dia 20 de novembro e segunda, para dias 8 e 9 de dezembro

Famerp (SP) dá início ao prazo de inscrições do Vestibular 2021
Os interessados podem se inscrever até o dia 23 de novembro e a taxa custa R$ 165.  Oferta é de 160 vagas.

Após suspensão, Uece divulga novas datas para matrícula do Vestibular 2020/1
Cronograma do processo seletivo estava suspenso desde março. Matrículas serão feitas pela internet, ainda em setembro.

UFJF anuncia datas das provas do Pism 2021
Provas serão aplicadas em fevereiro e março, e universidade implantará medidas de prevenção ao coronavírus.

Unifesp altera data das inscrições do Vestibular Misto 2021
Inscrições poderão ser feitas agora de 13 de outubro a 4 de dezembro. Edital sairá dia 9 de outubro.

Unifesspa está com inscrições abertas para Vestibular 2020
Processo Seletivo Especial oferece 315 vagas em cursos ministrados em sete cidades paraenses

IFG recebe inscrições para Vestibular 2020/2 via Enem
Processo seletivo oferece 465 vagas em 13 cursos de graduação ministrados em Goiânia e outras quatro cidades do interior

Abertas inscrições para bolsas remanescentes do ProUni 2020/2
Interessados nas 90 mil vagas devem fazer cadastro até dia 30 de setembro. É obrigatório ter feito o Enem a partir de 2010.

UEL abre inscrições para Vestibular 2021
Concorrentes às mais de 2,5 mil vagas farão provas somente no ano que vem, no dia 14 de março

Unipar está com inscrições abertas para Vestibular 2021 de Medicina
Instituição paranaense oferece 110 vagas. Curso é ministrado no campus situado na cidade de Umuarama.

Abertas inscrições para Vestibular 2021 de Medicina e Odontologia da SL Mandic (SP)
Interessados nas 310 vagas farão provas on-line em 25 de outubro. Previsão é que lista de aprovados saia no dia 30 seguinte.