Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Enem
  3. Dicas para o Enem
  4. Posso fazer transferência de curso e continuar com o Prouni?

Posso fazer transferência de curso e continuar com o Prouni?

Muitos estudantes beneficiados pela bolsa do Programa Universidade para Todos (Prouni) ficam em dúvida sobre a realização de transferência de curso.

Publicado por Érica Caetano
Estudantes que possuem o Prouni não sabem se a transferência de curso é autorizada quando se tem o benefício da bolsa
Estudantes que possuem o Prouni não sabem se a transferência de curso é autorizada quando se tem o benefício da bolsa

É possível que um estudante beneficiado pela bolsa de estudos ofertada pelo Programa Universidade para Todos (Prouni) realize transferência de curso? Por mais simples que possa parecer essa indagação, ela é a principal causa de dúvidas de grande parte dos candidatos que tem interesse em se inscrever no Programa. Vamos esclarecer a partir de agora essa questão.

As bolsas de estudos ofertadas através do Prouni vêm ajudando milhares de jovens a ingressarem no ensino superior de qualidade, de forma digna e efetiva. O benefício, que é válido para instituições privadas, pode ser parcial (50%) ou integral (100%). Para ser favorecido é necessário preencher alguns pré-requisitos. O primeiro deles é ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ter obtido nota maior que 450 na prova e não ter zerado a redação. Além disso, é necessário ter estudado todo o ensino médio na rede pública de ensino ou na rede particular através de bolsa de estudos. Para concorrer a bolsa integral do programa é necessário a comprovação de renda bruta de 1,5 salário mínimo por pessoa da família. Já para bolsas parciais, a renda deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Depois de passar por todo esse trâmite de seleção, você conseguiu a tão sonhada bolsa e está realizando o curso que até então achava ser o que sempre sonhou, mas agora está com vontade de transferir para outro e não sabe se fazendo isso continuará a ter o benefício do Programa. Se isso acontecer com você, a transferência pode ser feita sim, desde que algumas questões sejam obedecidas.

A primeira coisa que o estudante que deseja realizar transferência deve observar é se a instituição de ensino está querendo cobrar taxa para que seu processo de transferência seja apurado. Isso é proibido, não pode acontecer. Outra informação importante: o bolsista poderá solicitar sua transferência utilizando do benefício da bolsa desde que se mude para outro curso da mesma área.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Para que seja efetivada a transferência, as instituições tanto de origem como a de destino devem estar alinhadas e de acordo, liberando os documentos necessários para a realização do procedimento. A nova instituição que pretende ingressar também deve estar vinculada ao Prouni, tendo vaga para bolsistas. Quando a universidade de origem emite o Termo de Transferência do Usufruto da Bolsa, o processo está finalizado e o prazo de utilização da bolsa passa a ser então a do novo curso.

Todo esse trâmite deve ser resolvido internamente, entre as duas instituições envolvidas, não cabendo ao Ministério da Educação (MEC) intermediar a transferência ou outros contratempos e dificuldades que possam ser detectadas durante o processo. Em casos de transferência para instituições públicas, o bolsista deverá solicitar o encerramento da bolsa assim que sua nova matrícula for concretizada na nova instituição. Uma vez cancelado o benefício do Prouni, este só poderá ser obtido depois de toda a avaliação de ingresso novamente.

A transferência da bolsa do Prouni não é permitida em alguns casos específicos, como: a transferência de bolsa parcial para integral ou vice-versa, transferência para cursos considerados insuficientes, segundo critérios de desempenho do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SIANES); quando a quantidade de semestres cursados for igual ou até superior à duração máxima do curso que pretende se transferir; no caso de bolsas concedidas por decisão judicial e se a nota média do bolsista no Prouni for menor que a do último bolsista da instituição de destino.

Veja também

IFAC publica resultado do Vestibular 2021/1
Convocados para as 480 vagas devem se matricular entre os dias 10 e 14 de maio

Unipampa (RS) libera resultado do Vestibular 2021 via Enem
Processo seletivo ofereceu mil vagas em cursos ministrados nos 10 campi

Uneb publica lista de aprovados no Vestibular 2020 para 2º semestre
Convocados devem enviar a documentação exigida pela universidade entre os dias 17 e 21 de maio

UEMA anuncia novas datas do PAES 2021
 Programa de Acesso ao Ensino Superior ocorreria no final de fevereiro e início de março, mas foi adiado pelo agravamento da pandemia

UEG divulga novas datas do Vestibular 2021/1
Processo seletivo ocorreria em março, mas foi adiado por causa do estado de emergência do coronavírus

Paraná: UENP encerra prazo de inscrições para Vestibular 2021
Processo seletivo oferece 1.083 vagas, das quais 403 para cotistas

UEPG solta ensalamento do PSS 2020
Os 19.963 inscritos em todas as etapas farão as provas em maio, em Curitiba e 12 cidades do interior paranaense

Confira o resultado do Vestibular 2021 da UFSC
Interessados nas mais de 2,5 mil vagas foram avaliados pelas notas do Enem ou de vestibulares anteriores

UEPG libera gabaritos do Vestibular 2020
Previsão é que lista de aprovados seja divulgada no dia 31 de maio

Universidade de Vassouras (RJ) recebe inscrições para Vestibular 2021/2 de Medicina
Do total de vagas, 80 são para o campus de Vassouras e 60 para o campus de Miguel Pereira

ITA abre prazo para pedir isenção de taxa de inscrição do Vestibular 2022
Lista de vestibulandos beneficiados com isenção de taxa sairá às 16h do dia 30 de junho

Cederj recebe pedidos de isenção de taxa do Vestibular 2021/2
Também está aberto o período para participar do processo seletivo por meio das cotas