Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Notícias
  3. Justiça nega adiamento das provas do Enem 2020

Justiça nega adiamento das provas do Enem 2020

Com isso, as provas continuam mantidas para os dias 17 e 24 de janeiro.

Publicado por Érica Caetano
12/01/2021 12h30 , atualizado em 12/01/2021 12h42

A Justiça Federal negou o pedido da Defensoria Pública da União (DPU) pelo adiamento das provas do Enem 2020. Com isso, as provas continuam mantidas para os dias 17 e 24 de janeiro.

Acesse aqui a decisão!

De acordo com a decisão divulgada, a Justiça entendeu que o Inep tomou medidas de biossegurança para a aplicação das provas e que governos e prefeituras têm autonomia para decretar lockdown e, nessas cidades, o Inep teria que reaplicar o Enem em nova data.

Para a juíza Marisa Cláudia Gonçalves Cucio, o adiamento do Enem 2020 acarretaria em prejuízos financeiros e ainda comprometeria a formação acadêmica dos estudantes. 

Ainda conforme a juíza estabelece na decisão, o site do Inep conta com todas as informações necessárias referentes a biossegurança para a realização do exame, como o uso de máscaras que cubram nariz e boca, a utilização de álcool em gel antes do ingresso nas salas e também nas portas dos banheiros, as regras para os lanches, o respeito ao distanciamento social e os procedimentos de vistoria de materiais. 

Leia também: Portões serão abertos às 11h30 para diminuir aglomeração

Entenda o caso

A Defensoria Pública da União (DPU) entrou, mais uma vez, na última sexta-feira, 08 de janeiro, com ação cível pública contra o Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) pedindo o adiamento do Enem 2020, em razão da pandemia do coronavírus. As provas estão marcadas para começarem no próximo domingo (17) e seguirem no dia 24 de janeiro, 

A solicitação da DPU, tratava de um novo pedido de tutela de urgência. Segundo este documento, as provas do Enem 2020 foram agendadas exatamente no pico da segunda onda de infecções, sem que haja clareza sobre as providências adotadas para se evitar a contaminação dos participantes da prova, estudantes e funcionários que a aplicarão.

O documento reforçava ainda que o avanço da segunda onda no presente momento coincide, ainda, com os inúmeros casos de aglomerações sem medidas de prevenção durante os eventos de fim de ano.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por fim, a DPU argumentava que não há maneira segura para realização do Enem 2020. 

No dia 17 de abril, a DPU já havia entrado com ação cível solicitando a alteração das datas do Enem, explicando que o cronograma em questão poderia prejudicar estudantes, já que muitas escolas públicas e particulares estavam com suas aulas suspensas por tempo indeterminado.

Inicialmente, as provas do Enem seriam realizadas em novembro de 2020, mas foram adiadas. Em junho, o Inep realizou enquete com os estudantes, que escolheram fazer as provas em maio deste ano. Mas, o Inep, depois de reunião com os secretários de educação, universidades e órgãos que representam estudantes, resolveu alterar das provas para os dias 17 e 24 de janeiro

Em dezembro, foi realizada uma audiência de conciliação entre representantes da Advocacia Geral da União (AGU), Ministério Público Federal (MPF), Inep e DPU, mas sem um acordo entre as partes. Como não houve conciliação, a ação voltou para a 12ª Vara Cível Federal de São Paulo.

Enem 2020

Pela primeira vez serão realizadas provas impressas e provas digitais. Estima-se que 5 milhões de estudantes façam o Enem impresso e cerca de 100 mil, o digital. O Enem pela internet está marcado para os dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

O cartão, com o local de prova, foi liberado no dia 5 de janeiro. Segundo o Inep, estima-se que o Enem 2020 seja realizado em 205 mil salas, em 14 mil pontos de aplicação.

Entre algumas medidas de prevenção para evitar a disseminação do coronavírus durante o Enem 2020, estão que somente será oupada metade da capacidade original das salas, uso de máscara e álcool gel, salas especiais, entre outras.

Veja também

Enem 2020 encerra com 55,3% de ausentes
Exame educacional apresenta maior índice de abstenção da história

Inscrições do Vestibular 2021 da UEMS encerram neste domingo (24)
Estudantes da rede pública de ensino puderam solicitar isenção de taxa de inscrição. Eles tiveram que apresentar documentação comprobatória. A lista de beneficiados com a gratuidade já foi disponibilizada.

Enem 2020: provas do 2º dia são realizadas neste domingo (24)
Participantes responderão 45 questões objetivas de Ciências da Natureza e 45 de Matemática. Hoje, provas terminam às 18h30.

Locais de prova do Vestibular 2021 da UFGD estão disponíveis
As provas objetiva e de redação serão realizadas no dia 07 de fevereiro, nas cidades de Dourados e Campo Grande. 

Fundação Estudar recebe inscrições para bolsas de estudo 2021
Bolsas são parciais, podendo ser de 5% a 95%, no Brasil e no exterior. Há vagas para graduações e pós-graduações.

UFBA adere ao SiSU 2021 para todos os cursos, exceto Música
O SiSU será usado excepcionalmente esse ano, pela inviabilidade de realizar os testes de habilidades específicas de forma presencial.

IFMT inscreve para o seu Vestibular 2021/1
A seleção será feita exclusivamente pela análise do histórico escolar dos dois primeiros anos do ensino médio nas disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática, Química, Física, Biologia, História e Geografia.

Covid-19: UFRJ cancela THE de alguns de seus cursos
De acordo com a Universidade, o motivo da suspensão do THE se deve a necessidade de distanciamento social causada pela Covid-19

Faculdade Albert Einstein (SP) divulga resultado do Vestibular 2021/1 de Enfermagem
A oferta do Vestibular da Albert Einstein é de 240 vagas, das quais 120 são para Medicina e outras 120 para Enfermagem. 

UEM solta locais de prova do Vestibular EaD e PAS 2020
As provas do vestibular EaD e PAS estão previstas de acontecerem nas cidades de Apucarana, Cascavel, Campo Mourão, Cianorte, Goioerê, Ivaiporã, Loanda, Londrina, Maringá, Paranavaí e Umuarama. 

Univag (MT) divulga aprovados no Vestibular 2021/1 de Medicina
As provas do Vestibular 2021/1 de Medicina foram aplicadas em 20 de dezembro, das 13h30 às 18h. O processo seletivo do Univag contou com uma redação e 60 questões objetivas de disciplinas estudadas durante o Ensino Médio.

Unicamp antecipa resultado da 1ª fase do Vestibular 2021
Instituição divulgou lista de aprovados oito dias antes do esperado. Resultado sairia dia 29 de janeiro.