Logo Super Vestibular
Whatsapp icon Whatsapp
  1. Home
  2. Notícias
  3. Enem 2017: Manual da Redação já está disponível

Enem 2017: Manual da Redação já está disponível

Cartilha explica como é a correção do texto, quais fatores levam ao zero e dá dicas aos participantes.

Publicado por Lorraine Vilela Campos
17/10/2017 07h15 , atualizado em 17/10/2017 13h05

O Manual da Redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 já está disponível. Com o nome de "Redação no Enem 2017: Cartilha do Participante", o arquivo explica o método de correção, as cinco competências cobradas e o que pode zerar a produção textual. Este ano, o documento conta também com uma versão na Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Confira o Manual da Redação do Enem 2017

O Manual ressalta a importância de respeitar os Direitos Humanos na redação do Enem, já que opiniões preconceituosas, com incitação à violência e apologia ao crime são motivos que tiram nota do participante. 

Veja também: Tudo o que você precisa saber com a aproximação do Enem 2017

As propostas de redação do Enem sempre são baseadas na resolução de problemas, considerando o respeito aos Direitos Humanos. 

Veja mitos e verdades sobre o Enem

Entre os temas que desrespeitam os Direitos Humanos estão Justiça com as próprias mãos; insultos de gênero ou crença religiosa; morte como solução do problema; agressão verbal; contribuição para perpetuação de preconceitos e outras formas de violência.

Estrutura da Redação

A redação do Enem é uma prosa argumentativa-dissertativa, partindo de um tema de ordem social, científica, cultural ou política. 

A redação deve ter entre sete e 30 linhas, lembrando que o título não é obrigatório. O texto de apoio parte de uma questão-problema para a qual o participante deverá encontrar uma solução, a qual é chamada de proposta de intervenção.

A redação vale de zero a mil pontos, sendo a nota dividida por cinco critérios que alcançam a pontuação máxima de 200 pontos cada.

Desrespeitar os Direitos Humanos; entregar a folha-resposta em branco; textos sem coesão ou coerência; linguagem que foge da norma culta e acrescentar outros itens não autorizados pelo Inep (como desenhos), são fatores que levam o estudante a tirar zero na redação. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Competências

A correção da redação é feita por dois corretores. Se houver divergência, uma terceira pessoa corrige o texto. As competências avaliadas na correção são as seguintes:

- Domínio da linguagem escrita formal;
- Compreensão da proposta e aplicação dos conceitos de diferentes áreas no desenvolvimento do tema, levando em conta os limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo;
- Capacidade de seleção, organização, relacionamento e interpretação das informações, além dos argumentos de defesa do ponto de vista;
- Domínio dos mecanismos linguísticos usados para se construir a argumentação;
- Elaboração da proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os Direitos Humanos. 

Leia mais: Saiba como é corrigida a prova do Enem

Muitos participantes escrevem o texto completo e esquecem de elaborar a proposta de intervenção. Com isso, acabam perdendo 20% da nota. 

Enem 2017

Os locais de prova do Enem 2017 estarão disponíveis em 20 de outubro, exclusivamente na página do participante, no site do exame. 

O Enem será realizado nos dias 5 e 12 de novembro, a partir das 13h (horário de Brasília). O primeiro domingo contará com 90 questões de Ciências Humanas, Linguagens e Códigos, além da Redação. Já o segundo terá 90 perguntas de Matemática e Ciências da Natureza. 

O resultado do Enem será divulgado em 19 de janeiro de 2018. As notas podem ser usadas no Sistema de Seleção Unificada (SiSU), no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e no Programa Universidade Para Todos (ProUni). 

Estude no Super Vestibular

Aqueça os motores para o Enem 2017 no Super Vestibular! Aqui você encontra dicas, simulado e provas de edições anteriores para exercitar os conhecimentos. 

Veja também

É hoje o 2º dia de provas da reaplicação do Enem 2021
Neste domingo os participantes deverão responder a prova de Matemática e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Provas da 2ª fase do Vestibular 2022 da Fuvest começam amanhã (16)
Elas continuam sendo aplicadas na segunda-feira, 17 de janeiro. Passam por esta etapa os candidatos aprovados na 1ª fase do Vestibular 2022 da Fuvest.

IFSP divulga resultado do Vestibular 2022/1 para cursos técnicos
Agora, os candidatos serão matriculados entre os dias 17 e 20 de janeiro, via internet.

UFGD encerra inscrições para Vestibular 2022
Processo seletivo oferece 962 vagas em 33 cursos de graduação. Provas serão aplicadas em março.

Cursinhos populares 2022 em Ribeirão Preto (SP) inscrevem para novas turmas
Aulas são preparatórias para processos seletivos como o vestibular da Fuvest e para Enem 2022

Unicamp 2022: respostas esperadas da 2ª fase do Vestibular 2022 estão disponíveis
Candidatos passaram pelas provas discursivas nos dias 09 e 10 de janeiro. Resultado está previsto de ser divulgado em 14 de fevereiro.

UEG encerra prazo de inscrições do Vestibular 2022/1
Ao se inscrever, o candidato deverá indicar no formulário de inscrição a primeira opção de curso, cidade e turno e a segunda opção de graduação que deseja cursar.

IFFar, no Rio Grande do Sul, inscreve para Vestibular 2022/1 via Enem
Somente podem concorrer às 1,7 mil vagas candidatos que fizeram exame educacional a partir de 2009

Fatecs (SP) liberam resultado do Vestibular 2022/1
Convocados para as mais de 17 mil vagas devem fazer matrículas amanhã e depois, 13 e 14, apenas pela internet

IFPR está com inscrições abertas para Vestibular 2022
Interessados nas 2.637 vagas farão provas no dia 6 de março em Curitiba e outras cidades do interior do Paraná

Chega ao fim o prazo de inscrições do Vestibular 2022 da UERJ
Estudantes interessados em concorrer às vagas pelo sistema de cotas também precisam fazer o cadastro até hoje. A documentação deve ser enviada até amanhã, 13 de janeiro.

PUC-SP libera 2ª chamada do Vestibular de Verão 2022
Convocados devem fazer as matrículas amanhã e depois, 12 e 13, apenas pela internet