Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Orientação Vocacional
  3. 8 profissões para quem gosta de viajar

8 profissões para quem gosta de viajar

Estudantes que gostam de viajar podem se identificar em cursos como Jornalismo, Relações Internacionais e outros.

Publicado por Érica Caetano
O formado no curso de Turismo é um dos profissionais que trabalhará atuando com viagens constantemente
O formado no curso de Turismo é um dos profissionais que trabalhará atuando com viagens constantemente

Com certeza, trabalhar com o que nos dá prazer aumenta as chances de sucesso profissional. E uma das atividades que mais satisfazem as pessoas é viajar. A experiência de conhecer lugares, pessoas e culturas é, sem dúvida, um dos grandes prazeres da vida.

Em algumas profissões, o deslocamento entre cidades e até países faz parte da rotina e, por isso, gostar de viajar é essencial para ser feliz na carreira. Se é o seu caso, o Mundo Educação separou alguns cursos de graduação perfeitos para quem gosta de viajar. Veja!

1-    Turismo

Aqueles que escolherem cursar a graduação de Turismo podem ter a certeza de que viajar será uma constante em sua carreira. Apesar de algumas profissões atuarem apenas em uma cidade, conhecer a história e cultura de outros locais é importante para o desenvolvimento profissional.

Os turismólogos, como são chamados, precisam gostar de trabalhar ao ar livre e ter facilidade em entreter pessoas, contando fatos interessantes e históricos sobre lugares.

O trabalho do profissional pode envolver a promoção de passeios guiados por cidades e países onde atua e a elaboração de roteiros ou até a organização de feiras e eventos.

2-    Relações Internacionais

O profissional formado em Relações Internacionais geralmente atua em multinacionais e está sempre viajando para outros países como representante da empresa em que trabalha. Há situações em que ele poderá estar representando a cidade ou até mesmo o próprio país.

Estudar questões ligadas à cultura, política, economia, sociedade e comércio também fazem parte da rotina de quem escolhe este curso. 

Aqueles que fazem graduação em Relações Internacionais têm bagagem e conhecimento no que diz respeito ao relacionamento entre povos, empresas e governos de diferentes países. Estudar questões ligadas à cultura, política, economia, sociedade e comércio também fazem parte da rotina de quem escolhe este curso. 

3-    Arqueologia

O formado em Arqueologia tem a missão de encontrar, identificar e analisar objetos do passado por meio do seu estudo e investigação. Em muitos casos, esse trabalho é desenvolvido em sítios arqueológicos localizados bem longe de casa, até mesmo no exterior.

As viagens permitem ao arqueólogo encontrar novos campos de trabalho e pesquisar insumos, como fósseis em solos e outros tipos de terrenos. A curiosidade também é uma característica desse profissional, pois ela que vai mover o trabalho em busca da melhor compreensão da evolução e transformação do homem e da sociedade ao longo da história.

4-    Comércio Exterior

Conhecida como uma graduação tecnológica, por ter duração menor, o curso de Tecnologia em Comércio Exterior permite que o profissional formado esteja em constantes viagens, já que é preciso atuar como mediador da relação entre vendedores e compradores, sendo esta entre países, estados e até mesmo cidades.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

5-    Jornalismo

A atuação do profissional formado no curso de Jornalismo é muito abrangente, sem dúvidas. Há inúmeras formas de trabalhar para aqueles que fazem esta graduação e, em muitas delas, são exigidas viagens.

No caso de você querer fazer o curso de Jornalismo e unir o gosto pelas viagens, é possível viajar para cidades próximas em busca de notícias para a imprensa local, ou para outros países, como correspondente internacional. Jornalistas também viajam para fazer a cobertura de eventos dos mais variados segmentos, como esportivos, por exemplo. 
 

 Jornalistas também viajam para fazer a cobertura de eventos dos mais variados segmentos

6-    Moda

Quem se forma no curso de graduação em Moda sonha em trabalhar em grandes grifes no exterior, como em Nova Iorque, Paris e Milão. No Brasil, as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro são os principais polos da moda. Por isso, para quem tem condições, viajar para essas cidades é importante para o desenvolvimento profissional.

Os designers de Moda precisam viajar para desfiles, conhecer novas tendências, fazer cursos, estágios e elaborar editoriais para revistas e outros veículos de imprensa. 

7-    Ciências Aeronáuticas

O curso de Ciências Aeronáuticas capacita o estudante formado a se tornar piloto de aeronaves, apto a atuar para a aviação civil. Devido à própria exigência da profissão, quem se forma em Ciências Aeronáuticas passa pouco tempo em um mesmo lugar, já que está sempre viajando.

Mesmo com o diploma em mãos, é preciso adquirir algumas licenças junto aos órgãos regulamentadores, como a ANAC, por exemplo, conforme o tipo de aeronave e a categoria desejada para os voos, que podem ser comerciais, domésticos ou internacionais.
 

Quem se forma em Ciências Aeronáuticas passa pouco tempo em um mesmo lugar, já que está sempre viajando.

8-    Letras / Tradutor / Intérprete

A graduação em Letras possui várias habilitações, o que possibilita que ela seja voltada somente para a Língua Portuguesa e Literatura ou para o estudo de idiomas estrangeiros. No caso deste último, o profissional formado em Letras poderá atuar como tradutor, seja de textos, documentos, livros ou publicações de um idioma para o outro.

Quando o tradutor trabalha como intérprete, ele irá traduzir oralmente palestras, discursos, reuniões e negociações. É muito comum que os intérpretes tenham que viajar acompanhando empresários, políticos ou mesmo equipes esportivas em eventos internacionais. 
 

Veja também

Enem 2020 tem recorde de abstenção com mais da metade de inscritos faltosos
Foi registrada a ausência de mais de metade dos inscritos. Ministro responsabilizou a pandemia e a imprensa pelo grande número de faltosos.

Prazo para se inscrever no Vestibular 2021 de Medicina da UniCEUB chega ao fim
As provas do Vestibular de Medicina acontecem no dia 10 de fevereiro de 2021, das 14h às 18h, em Brasília/DF. 

Enem 2020: Inep divulga prazo para envio de laudos para solicitação de reaplicação
Diagnosticados com doença infectocontagiosa, incluindo Covid-19, poderão passar pelo Exame novamente desde que apresentem no prazo os laudos médicos.

Tema da redação do Enem 2020 aborda doenças mentais
A informação foi divulgada logo após o início das provas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em sua conta no Twitter.

Provas do Enem 2020 começam a ser aplicadas hoje (17)
Devido a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), portões de acesso aos locais de prova serão abertos meia hora mais cedo, a fim de evitar aglomerações.

Cederj publica notas objetivas do Vestibular 2021/1
Desempenho na prova de redação poderá ser conferido no dia 29 de janeiro

UPE solta local de prova da 1ª e 2ª etapa do SSA 2021
Estudantes farão provas em 31 de janeiro e 1º de fevereiro, em Recife e oito cidades do interior do Pernambuco

IF Goiano está com inscrições abertas para o Vestibular 2021/1
Oportunidades são para as unidades de Catalão, Cristalina e Trindade nos curso de Tecnologia em Horticultura e os bacharelados em Agronomia, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação, Engenharia Civil e Engenharia Elétrica. 

Unicap divulga resultado do seu Vestibular 2021
A seleção dos candidatos da Unicap foi por meio da utilização das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ou por prova on-line.

Inscrições para ProUni 2021/1 encerram nesta sexta-feira (15)
Programa oferece 162.022 vagas, sendo 76.855 bolsas integrais e 85.167 parciais (50% do valor do curso)

5 temas de História para ficar ligado no Enem 2020
Revise os conteúdos disciplinares que caem com maior frequência nas questões de História na prova do Enem.

UFMS finaliza inscrições do Vestibular 2021 e PASSE 2020
Solicitações de isenção de taxa de inscrição já foram recebidas de inscritos no CadÚnico e membros de família de baixa renda, com renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo, ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.